Header Ads

ad

Intelectualmente feminina

Não é de hoje que a mulher vem evoluindo intelectualmente e se qualificando cada vez mais. É verdade que essa evolução foi gradativa ao longo da história e ainda permanece evoluindo.
Segundo dados absorvidos por pesquisadores cariocas e publicados pela folha de São Paulo no ano de 2006, existe uma desvantagem feminina em qualificação acadêmica. Essa pesquisa apenas comprova que há um défict, mas que com o passar dos anos o mesmo pode ser alterado.
É importante analisarmos a trajetória da mulher durante os tempos e ressaltar que é uma sequência de fatos vitoriosa. A realidade feminina durante o período colonial era receber uma educação doméstica sem ultrapassar os limites do lar, durante o século XIX a mulher já tinha participação em escolas públicas mistas e a partir daí a qualificação só veio crescendo.
Hoje, a mulher tem participação ativa no mercado de trabalho, no ensino superior e em todas as áreas intelectuais. Levando em consideração os primeiros lugares de vestibulares, de concursos e muitas vezes deixando os “homens dominantes” em segundos ou terceiros lugares.
 É verdade, a nossa realidade se modificou. Através da nossa luta, nós mulheres conseguimos vencer e melhorando cada vez mais nossa qualificação. Conseguiremos chegar ao topo, que é o nosso objetivo.
Vitória Nunes

Um comentário:

  1. Olá,

    Parabéns pelo conteúdo do blog. Muito legal mesmo. Sobre intelectualidade, recomendo esse texto, do meu blog:
    http://examedevista.wordpress.com/2011/06/15/nao-existe-intelectual-sem-livros/

    Um abraço

    ResponderExcluir

slider

Caco Pereira Comunicação & Consultoria. Tecnologia do Blogger.